Segurança ao pedalar

Hoje fui repreendido. Não sem motivo. Um colega que raramente pedala, mas que sabe de meu ativismo ciclístico, disse ter me visto de dentro do ônibus. Coisa nada improvável, pois faço da canaleta e de suas marginais meu roteiro diário. Ele ao me encontrar falou da minha “imprudência”.

-Onde já se viu pedalar com fones de ouvido ?!?

Por um lapso fiquei calado, meio que assimilando o golpe, certeiro e correto. Dei toda a razão ao Jair. É mesmo perigoso pedalar em meio aos carros ouvindo música. Não adiantava eu querer redarguir afirmando que o volume estava baixo que, a todo instante estou olhando para trás, que a música não me desconcentra.

Bicicleta como meio de transporte, requer sim o máximo de atenção e cuidado e, tudo que possa dar causa a um eventual acidente, precisa ser evitado. Os pequenos detalhes, são sempre eles quem fazem as Grandes diferenças. Óbvio que, passeando, no meio do mato, num lugar pacato e tranquilo; tanto quanto o ar é imprescindível para os pulmões- para mim- a música o é para os ouvidos.

Não parei por aí. Cheguei em casa e fui atrás de coisas mais que falassem sobre segurança ao pedalar. Encontrei este texto(Pedalar noTrânsito) bastante completo e interessante na Escola de Bicicleta.

Pra lá de longe, de querer ser moralista, “educador” ou coisa que o valha, faço de todas estas palavras, dicas para o uso das magrelas. Inclusive, hipocritamente, acredito que vou continuar escutando músicas ao pedal, só que beeeeeeeeeeemm baixinho !


2 ideias sobre “Segurança ao pedalar

  1. fala rapaziada !
    nao sei se é blog certo , ontem pedalando na canaleta sentindo pinherinho encontrei um colega , O OSCAR ,. ! so passando dar um alo e conferindo o blog ! muito bom !
    amanha talvez apareça na bicicletada !

    abraços

  2. ola

    eu não sei como publicar algo nestes blogs e segue algo que me parece importante, se alguem souber como favor divulgar pro pessoal
    abraços
    João Carlos
    ———————————————-
    O IPR/DNIT está com dois manuais em consulta pública até 20 de fevereiro:
    – Manual de Projeto Geométrico de Travessias Urbanas e
    – Manual de Sinalização de Obras e Emergências em Rodovias

    Quem tiver interesse, as versões preliminares podem ser obtidas no link:
    http://ipr.dnit.gov.br/normasmanuaisoutros/projnormasmanuais.html

    o novo “Manual de Projeto Geométrico de Travessias Urbanas” contém uma seção específica sobre bicicletas (item 4.5).

Interaja! Se gostou ou desgostou, deixe aqui seu ponto de vista: