MPL é a sociedade organizada para discutir o metrô de Curitiba

Na última terça-feira, dia 15, aconteceu  uma audiência pública do Metrô curitibano. Realizada no Memorial de Curitiba, esta primeira etapa tem por finalidade a apresentação das informações para as empresas interessadas em concorrer à execução da obra.

Linha Azul, este é o nome que receberá o primeiro trecho do metrô, que terá um total de 14,2 km, entre a Cidade Industrial de Curitiba e o centro da cidade. O projeto prevê 13 estações, sendo que 2,2 km da linha será sobre a superfície (elevada) e os outros 12 km serão subterrâneos.

O valor inicial da obra é de 2,33 bilhões de reais, onde um bilhão será de responsabilidade do governo federal. São valores astronômicos  e que evolvem muitos interesses, das empreiteiras que tocarão a obra, do setor imobiliário, do consórcio ou grupo que explorará o sistema e, claro, mais do que ninguém, de total interesse da sociedade curitibana.

O Movimento Passe Livre (MPL) questiona os rumos e a maneira como a prefeitura de Curitiba encaminha a discussão. Este movimento social há muito tempo luta pela causa do transporte coletivo, não só na capital paranaense, mas em todo país. Estiveram presentes no Memorial de Curitiba e foram severamente reprimidos pela guarda municipal.

As denúncias que o MPL faz são muitas, desde o limitado tamanho do local para a realização de uma audiência pública – que precisaria ser realizada num espaço muito mais amplo para uma grande participação popular -,  até o tamanho da nota que a prefeitura publicou chamando a audiência: uma nota de 10 por 15 cm, enquanto para fazer marketing eleitoreiro gasta fortunas para anunciar a recapagem de “950 ruas” pela cidade. Todas estas questões pontuais referentes a este evento em particular (audiência), sem citar aqui todas as críticas com relação ao projeto do metrô, são contundentes, irrefutáveis, partem do ponto de vista dos interesses da população curitibana e qualificam o MPL, enquanto movimento social, a ter respaldo e representatividade junto a sociedade curitibana. Para uma análise crítica sobre toda a estrutura de transporte coletivo em Curitiba vale a pena visitar o site do Movimento: fureotubo.wordpress.com


2 ideias sobre “MPL é a sociedade organizada para discutir o metrô de Curitiba

  1. Olá, gostaria de saber como faço para entrar em contato com vocês por email.
    Tenho algo muito interessante para apresentar pra vocês e toda a comunidade ciclística!!!

Interaja! Se gostou ou desgostou, deixe aqui seu ponto de vista: